Número total de visualizações de página

sexta-feira, 25 de março de 2011

SOPAS

A partir de Abril o Rodrigo vai passar para uma nova fase da sua alimentação,que vão ser as sopas.
Ele já podia estar a come-las mas ainda não teve o ok da pediatra,e nós pais estamos ansiosos que ela diga sim senhor é hora das sopitas e das papitas.
Quem diria ainda á uns tempos estava a mamar o leitinho da mamã,e agora está prestes a começar a comer a sério.Como o tempo passa,já são quatro meses.
Mas acho que vai ser uns momentos bastante engraçados para mais tarde recordar.

Adorei

No domingo passado foi um dia muito bom em todos os sentidos.Posso dizer que o tempo foi muito bem aproveitado com os meus dois amores da minha vida,nem vi o tempo passar.
Não fomos a nenhum sitio especial,mas só aproveitar o clima ameno,passearmos junto ao rio,vermos imensas pessoas que logo chamou atenção ao rodrigo.
Para o Rodrigo nesse dia foi um mundo que ele desconhecia,com imensas pessoas,com muitas cores á sua volta,com muitas vozes á mistura,um mundo que ele ficou extramamente curioso.
É lógico que não foi a primeira vez que o Rodrigo saiu á rua,mas das outras vezes o Zé Pestana é mais forte que ele.
Foi um grande dia do Pai.

sexta-feira, 18 de março de 2011

Dia do Pai

Quando falo ou escrevo a palavra Pai sinto um arrepio, um frio na espinha, sinto uma lágrima a cair do meu rosto. Um Pai é um protetor,é um amigo, é um colega, é um ombro. É este ombro que muitas das vezes sinto saudades de ter. O que mais me custa é que nunca tive tempo para dizer ao meu Pai que o amava.
Mas este ano é especial, pela primeira vez na minha vida vou saber o que significa este dia. Ser Pai é algo que eu não consigo explicar, é tão fantástico, tão mágico. Uma coisa vou prometer ao meu filho que a ele não lhe há-de faltar nada, nem que eu durante o dia coma uma sopa. Mas para ti meu filho vais ter educação,valores, religião para daqui a muitos anos dizeres aos teus filhos que o teu pai era um grande homem, como o teu avô foi.

Atendimento

Na terça feira peguei no telefone e liguei para o serviço de saúde 24,porque como o Rodrigo anda com o nariz tapado queria saber o que mais poderia fazer.
Fizeram me para ai umas trinta perguntas, algumas repetidas mas feitas de outra maneira. Mas a pergunta que me fez rir, foi se o Rodrigo tinha colocado objectos ou alimentos tipo ervilha no nariz.
DAHHHHH! Ele só tem três meses e não vai mexer nesse tipo desses alimentos. O meu filho já mexe muito mas chegar a esse ponto.
Depois do interrogatorio esperei dois minutos que ela me dissesse alguma coisa até no fim dizer para pôr uma pomada no peito. Aquelas pomadas que cheiram a mentol e entram pelo nariz a dentro. Resumindo a pediatra do rodrigo proibiu pôr essa pomada porque faz mal a saude.
E é este atendimento de saúde que temos no nosso país.

Nariz sempre a correr

O meu Rodriguinho de á uns tempos para cá, é vê-lo com o nariz tapado. Mete-se soro,água do mar. aspira-se e não há maneiras do ranho ir embora de vez.
É logico que nem sempre está assim, há alturas que nem parece que está tapado. Nunca mais vem o calor para ele apanhar outro tipo de ar. Ir á praia para ver se respira o ar do mar.Mas tudo vai correr bem, quem sai aos seus nãogelado e gelado degenera.

3º Mês

Uma certa tarde de Fevereiro o Rodrigo teve uma consulta de pediatria com a tia GUI. Bem até agora tudo normal, até ela o meter na balança e resumindo e concluindo num mês engordou 500 gramas, MUIIIIIIITO POUCO!!!!
Era inevitável, mas já era esperado que essa decisão fosse tomada. O leitinho em pó era o primeiro passo para o fazer engordar e crescer. Não sabia que o leite era tão caro mas é para o bem dele.
A mãe é que não gostou muito de ver as suas maminhas entrarem de férias .

2º Mês

Sem dúvida fica marcado pelo primeiro natal que passou entre a família, que grande alegria que tivemos.Foi a melhor prenda que eu e mãe alguma vez poderíamos ter!
É escusado dizer que o Pai Natal foi muito generoso para o Rodrigo, roupa não lhe faltou, mas também precisava, porque estes miúdos quando nascem parece que têm adubo nas pernas.